Suplementos para ganhar massa muscular

9

Suplementos para ganhar massa muscular

Está tentando ganhar massa muscular e não consegue bons resultados? Se você já segue uma boa dieta e treina pesado, talvez esteja na hora de incluir alguns suplementos em sua dieta. Conheça e entenda alguns dos principais suplementos para ganhar massa muscular.

MELHORES SUPLEMENTOS MUSCULARES

A cada mês e ano de musculação, fica mais difícil ganhar massa muscular. Para ter bons resultados, você deve aproveitar todos os recursos que puder. Depois de conseguir fazer uma boa alimentação, treinar pesado e regularmente, está na hora de acrescentar suplementos na sua rotina alimentar.

Embora a intensidade ideal de treinamento possa ser facilmente alcançada através de um bom treino e a capacidade de estimular adequadamente os músculos é algo que o fisiculturista motivado e determinado não tem nenhum problema em conseguir, a recuperação muscular é outra questão.

Por isso é importante preencher eventuais lacunas nutricionais com suplementação de qualidade, uma prática que pode ser feita durante todo o ano para obter resultados máximos em tamanho e força muscular.

Nos últimos anos, tornou-se claro com os avanços na qualidade dos suplementos e as vantagens que eles podem oferecer, que a alimentação, por melhor que seja, dificilmente conseguirá suprir toda a demanda de um fisiculturista ou esportista. Ao invés de ser um opcional para aumentar o sucesso da musculação, o uso de suplementos tornou-se um aspecto crucial para a perda de gordura, construção muscular e performance.

Como todos nós sabemos, é de fundamental importância garantir a alimentação correta. Afinal de contas, faltar ocasionalmente a uma sessão de treinamento pode até ser produtiva para a recuperação, mas descuidar da nutrição significa uma ruptura no processo de cicatrização. Os músculos podem até começar a canibalizar-se quando o corpo entra em estado catabólico. Mesmo com a melhor das dietas às vezes isso pode acontecer se as demandas de treinamento superar o equilíbrio ou desequilíbrio nutricional.

Para evitar ao máximo que isso aconteça, a suplementação tornou-se uma obrigação para aqueles que levam a sério os resultados da musculação.

Além de listar alguns dos principais suplementos para ganho de massa muscular, incluo uma sugestão de como devem ser incluidos em sua rotina alimentar. Os suplementos estão listados em ordem de prioridade:

1. Whey Protein

Como base para ganhos musculares, a suplementação com proteína de qualidade é inigualável. E a melhor forma de absorvê-la é consumindo no pós-treino. Também pode ser interessante tomar junto de refeições para completar o balanço de proteína necessário para seu dia. Whey Protein é a proteína do soro de leite. Ela tem um alto valor biológico e é extremamente conveniente de tomar.

Enquanto a proteína obtida a partir de fontes de alimento pode fornecer níveis de proteína mais sustentada (especialmente antes de dormir, para compensar o período de jejum que ocorre geralmente durante o sono), o soro de leite é transportado rapidamente para os músculos, onde ele pode exercer seus poderosos efeitos anabólicos.

Eu costumo usar a Whey Protein duas vezes ao dia – logo após o treinamento e como o primeiro alimento da manhã, para garantir uma absorção rápida da proteína e para restaurar a queda nos níveis de nitrogênio a partir da noite anterior.

2. Aminoácidos de cadeia ramificada (BCAA)

Desde que comecei a consumir aminoácidos de cadeia ramificada (BCAAs) regularmente, tenho testemunhado uma melhora notável na densidade muscular e minha taxa de recuperação também aumentou exponencialmente. Como aminoácidos essenciais, os BCAAs (leucina, isoleucina e valina), devem ser colhidas através dos alimentos que comemos.

São os únicos três aminoácidos metabolizados diretamente pelo tecido muscular e são especialmente importantes para a recuperação imediata do músculo. Eles são usados para construir novas proteínas após o treino pesado.

3. L-Glutamina

Considerado um aminoácido essencial condicional, L-glutamina compreende até 60% dos aminoácidos que circulam no tecido muscular e é vital para sua recuperação. Ela ajuda a pegar mais pesado e e retardar a quebra dos tecidos musculares durante treinos intensos.

A glutamina também está associada a diversos outros benefícios, tais como:

– A preservação do tecido muscular permite que o seu corpo queime gordura adicional.

– A glutamina tem mostrado resultados positivos na melhoria do sistema imunitário em muitos que tomam este suplemento. Quando você está sob treinamento intenso, ele coloca o estresse não só nos músculos, mas em todo o nosso sistema imunológico. Glutamina não só restaura a saúde do tecido muscular, mas alimenta o sistema imunológico e assegura a recuperação rápida para o corpo como um todo.

– A glutamina é citado por sua capacidade de aumentar os níveis de hormônio do crescimento no corpo. Este é um grande atrativo para quem deseja focar a construção muscular. Estudos têm sugerido que apenas 2 gramas de glutamina pode aumentar o hormônio do crescimento.

– Tecidos musculares requerem nitrogênio e suplementos de glutamina (L-glutamina) são compostos de aproximadamente 20% de nitrogênio, que o torna um dos melhores fornecedores de nitrogênio para o tecido muscular.

Dosagem recomendada: 5 gramas ao acordar, 5 gramas pós-treino, 5 gramas antes de dormir.

4. Creatina

Quando a creatina chegou às prateleiras no início dos anos 90, rapidamente tornou-se um dos suplementos mais consumidos por atletas de todo o mundo.

A creativa pode ajudar no aumento de tamanho e força, como atestada por inúmeros estudos científicos.

Ela aumenta a energia muscular, permitindo que se possa treinar mais e colher melhores resultados. E em segundo lugar, hidrata os tecidos musculares, e ao longo do tempo faz com que eles se tornem maiores e mais fortes.

Naturalmente produzida nos rins, fígado e pâncreas, a creatina é transportado para o tecido muscular onde é transformada em fosfato de creatina, a partir do qual a molécula de ATP é produzida para regenerar a capacidade dos músculos para contrair e gerar energia durante o treino. Isso se traduz em treinos mais produtivos e crescimento muscular mais rápido.

Embora produzida no organismo, estes níveis são suficientes apenas para a função celular contínua, e não para o crescimento muscular em massa. Seria necessário muitos quilos de carne crua para extrair cinco gramas de creatina, a quantidade fornecida de uma colher de chá de pó de mono-hidrato de creatina. Assim, a suplementação é necessária para receber todos os benefícios da creatina.

Fórmula dos Músculos

5. Óleo de peixe ômega-3

Os benefícios à saúde de consumir peixe de água fria, como salmão e atum, são bem documentados. No entanto, devido a quantidade de ácidos gordos essenciais fornecidos, disponibilidade e preço, o valioso Omega-3 recebido através destas fontes muitas vezes não é ideal ou suficiente. O óleo de peixe na forma suplementar, por outro lado, proporciona a perfeita relação entre estes Omega-3 na forma mais pura e mais concentrada possível.

Para melhorar o desempenho e construir o músculo, o corpo primeiro deve alcançar um estado físico saudável . Os ácidos graxos ômega-3 podem melhorar a circulação do sangue para permitir o recebimento dos nutrientes, como proteínas e carboidratos, para atingir os músculos e exercer seus efeitos.

Ômega-3 também pode auxiliar na perda de gordura através da maximização da taxa metabólica e ajudar a formar uma base a partir da qual pode ocorrer a termogênese. Lubrificação das articulações e saúde cardiovascular também são os principais benefícios que podem ser derivados da suplementação com Omega-3.

6. Suplemento vitamínico / mineral

Um suplemento multivitamínico e mineral não é puramente um suplemento de musculação. Tomar um multivitamínico de qualidade é fundamental para suportar as condições de crescimento muscular e manter o bom desempenho.

Os compostos como vitamina C, A e E (antioxidantess) são considerados de grande importância para a função imunológica, que é o efeito sinergístico de todas as vitaminas e minerais essenciais. Eles suportam melhores resultados em matéria de saúde e subsequente crescimento e função do tecido.

Muitos médicos e nutricionistas podem nos dizer que a relação perfeita de vitaminas e minerais pode ser alcançado através de uma dieta rica em frutas e produtos hortícolas. No entanto, as condições atuais do solo, vários poluentes, e o excesso de processamento de alimentos , tornam quase impossível de alcançar uma relação perfeita.

EXEMPLO DE PROGRAMA DE SUPLEMENTAÇÃO

Este plano de suplementação diária deve apoiar sua dieta balanceada.

 

Ao levantar-se (primeira coisa na parte da manhã):

Porção de 30g de Whey Protein

5 g de creatina

1 porção de BCAAs

 

Com café da manhã:

Multivitamínico

5g de L-Glutamina

1 colher de chá (ou porção) de óleo de peixe

 

Com Almoço:

1 colher de chá (ou porção) de óleo de peixe

Antes do treino:

5 g de creatina

5g de L-Glutamina

 

Diretamente Depois do treino:

5g de L-Glutamina

30g de Whey Protein

 

Antes de dormir:

30g de Whey Protein

5g de glutamina

1 porção de BCAAs

 

Onde comprar

Para quem prefere comprar suplementos online, recomendo a loja virtual da Natue, dê uma olhada aqui, já comprei e recomendo.

 

LEIA TAMBÉM – PROTEÍNA PARA EMAGRECER COM SAÚDE

 

 

9 COMENTÁRIOS

    • Rosita, dê uma olhada na categoria suplementos, há outros artigos que podem lhe interessar. Sempre que possível colocaremos mais. Obrigado!

  1. Eu não malho,meu único exercício é caminhar,porém não gosto muito de nenhum tipo de carne.Gostaria de saber se posso tomar esses suplementos apenas para complementar as proteínas que deixo de ingerir por não comer carne.

    • Olá Noely, não há problema algum em tomar whey ou albumina sem treinar. Acho interessante sua preocupação em completar sua alimentação com suplementos, já que não consegue se alimentar direito.

    • Anderson, o pré-treino é mais completo. Costuma ser uma combinação de termogênico (café e outras substâncias), creatina, arginina (No2) e as vezes outras como beta-alanina, etc. São para te dar energia no treino mas também ajudam no crescimento muscular.

      A glutamina tem função bem diferente. Ela ajuda a manter a massa magra, ajuda na regeneração, etc.

      Boa sorte!

  2. Boa noite, gostaria de saber se posso incluir o óleo de cártamo com o whay protein e o BCAA para conseguir emagrecer e aumentar os músculos.

    • Olá Fernanda. Os 3 são excelentes produtos e não há nenhum problema em associá-los. O único que o foco é emagrecimento é o óleo de cártamo, mas claro que só de treinar e ganhar músculos, vai também queimar mais gordura. Há também alguns estudos que mostram que o óleo de cártamo ajuda no ganho de massa magra. Boa sorte :)

Deixe uma resposta